Pular Navegação (s)

Tratamento de piscina com sal. Como funciona?

Tratamento de piscina com sal, como isso é possível? Algumas pessoas quando ouvem falar sobre o processo salinização na piscina, logo imaginam que a água ficará semelhante a água do mar, porém, isso está bem distante de ser verdade, a água da piscina não fica salgada.

O principal objetivo da salinização é a produção do cloro natural, que é dispensado em pequenas dosagens na água, sendo tão eficaz quanto o industrializado, mas assim como qualquer outro tratamento, é preciso estar atento à qualidade da água, realizando sempre suas análises periódicas.

Como é o funcionamento?

O tratamento através da salinização consiste na aplicação de doses de cloreto de sódio, ou seja, o famoso sal de cozinha, para isso, utiliza-se  o sistema de electrólise, esse sistema quebra as partículas de sal e libera o cloro natural na água. Dessa forma, para que o tratamento aconteça, é necessário instalar no sistema da piscina um equipamento eletrolítico que faz as eletrólises.

A quantidade de sal utilizada para o tratamento é de  5 kg a cada mil litros de água, desse modo, como dissemos anteriormente, a quantidade de sal na água é muito inferior ao que se encontra no mar. Além disso a reposição do sol só é feita de acordo com as perdas de água durante as lavagens do filtro ou quando chover, ficando entre dois e três meses em piscinas residenciais.

Quais as vantagens?

  • Pode ser utilizado em qualquer tipo de água, seja em rede pública ou poço;
  • Pode ser utilizado com qualquer tipo de produto químico no tratamento de piscina;
  • Compatível com qualquer tipo de piscina, seja azulejo, vinil ou até mesmo piscinas de fibra;
  • É capaz de eliminar todos os tipos de micro-organismos e a cloramina;
  • Compatível com piscinas de água fria ou até mesmo quente;
  • Reduz drasticamente o risco de alergias, ressecamento e outro problemas;
  • Não tem forte concentração de sal;
  • Não interrompe o uso da piscina para a limpeza.

Quais as desvantagens?

  • Necessita manutenção;
  • Valor superior a outros tipos de tratamentos;
  • Só funciona com energia elétrica;
  • Altera o pH;
  • Não faz super cloração;
  • O cloro evapora na presença do sol;
  • Piscina com muito uso necessita de complementação do cloro industrializado;
  • O erro na dosagem do sal pode deixar a água salgada;

Além disso, é importante saber que, existem dois modelos de sistemas para o tratamento à base da salinização, o primeiro, funciona com a imersão e fluxo, neste caso, o aparelho é instalado próximo ao sistema de filtragem que, ligado às células eletrolíticas submersas na piscina, dá início ao processo de tratamento, o segundo, ocorre fora do ambiente a ser tratado, em aparelhos projetados para trabalhar em conjunto com a recirculação ou a filtragem.

Com o tratamento de piscina com sal, os banhistas podem aproveitar com tranquilidade a água limpa e saudável. Além de não ter o tempo gasto com todas as tarefas que demandam tempo e atenção.

Ver mais

Gerador de Cloro

R$ 3.150,00

ou 8x de R$ 393,75 Sem juros
ou 3x de R$ 1.008,00 (com desconto) Sem juros
R$ 2.772,00 à vista
R$ 2.710,00

ou 8x de R$ 338,75 Sem juros
ou 3x de R$ 867,20 (com desconto) Sem juros
R$ 2.384,80 à vista